Skip navigation
Share via:

Pitch

5Rs - Repensar, Recusar, Reduzir, Reutilizar e Reciclar!


Description

Summary

No Brasil em 2010 foi publicada uma Política Nacional de Resíduos Sólidos, que tem como objetivo desenvolvido, adequados de separação, coleta e tratamento de todos os resíduos, com a participação dos governos, iniciativa privada, cooperativas de catadores e cidadãos. Esta versão possui uma lista interminável de correcções, alterações e novidades que melhoram notavelmente o seu funcionamento. Sendo assim, para a implementação de um grande investimento na área de educação, com foco na mudança de comportamento, foi assim que nasceu a "Coleção Consumo Sustentável e Ação - Resíduos Sólidos" voltada aos professores e alunos do Brasil, Para que este tema seja desenvolvido por meio de projetos, envolvendo todas como áreas do conhecimento. Uma publicação e um certificado de "Prática de Referência Educativa de 2015", uma plataforma do Ministério do Meio Ambiente. Uma coleção já existia antes da publicação da PNRS, mas foi revisada e atualizada agregando o tema Mudanças Climáticas. Este material educativo foi agregado no programa "Água pra Todos" da WWF Brasil e pelo Instituto HSBC, tendo mais de 5.000 cópias distribuídas para as escolas, além da promoção de formas de professores. A Coleção é formada por sete livros, o volume Resíduos Sólidos e Atividades Educativas para professores, desenvolver conceitos como Pegada ecológica, Consumo sustentável X Consumismo, Mudanças Climáticas, O que muda com PNRS e Como Gerenciar os Resíduos Sólidos. Os outros 6 volumes são dirigidos para os estudantes e de uma maneira lúdica por meio de histórias com personagens que pesquisam os temas da vida dos Metais, Vidros, Papéis, Plásticos, Orgânicos e Perigosos para a apresentação na Feira de Ciências de Sustentabilidade da escola . Todos os livros estão em caixa, com CD com apresentações dos temas e um cartaz dos 5Rs.


Is this proposal for a practice or a project?

Project


What actions do you propose?

1. Formação de professores, coordenadores pedagógicos e diretores das escolas brasileiras, por meio de formação presencial, semi-presencial ou curso Educação a Distância auto-instrucional, usar como base de informações da coleção e de projetos bem sucedidos nas escolas, comunidade escolar e Cidades

2. Formar um comitê de Consumo Sustentável na escola para cuidar das compras de materiais e da gestão integrada dos resíduos da escola e acompanhar a implantação do Plano Municipal de Gestão Integrada dos Resíduos Sólidos.

3. Implantar o sistema de produção para a produção de orgânicos, a partir dos restos de alimentos da escola, retroalimentando os canteiros da horta, vasos e jardins locais. Desta forma será intensificada a produção de alimentos saudáveis ??para a escola.

4. Medir o consumo e descarte de materiais e resíduos da escola, apresentando a todos os professores, alunos e comunidade escolar, por meio de cartazes e gráficos numa linha do tempo, para possibilitar a comparação entre meses, semestres e anos.

5. Visitar locais onde é tratado o resíduos de sua cidade: aterro, cooperativa, lixão, etc. Convidar autoridades e mídia locais para acompanhar os alunos nestas visitas. 

6. Desenvolver campanhas de comunicação sobre todos os aprendizados por meio de vídeos curtos, programa de rádio, entrevistas, cartazes, e outros materiais de comunicação, visando ampliar a consciência socioambiental de todos da escola e comunidade local, por meio da publicidade destas informações.

7. Criar uma central de reutilização de materiais na escola, ampliando o tempo de uso dos materiais: papel, madeira, linhas, tecidos. Esta central deve estar agregada ao ateliê de artes da escola, potencializando a criação de obras de arte pelos alunos.

8. Erradicar o uso de descartáveis, principalmente os copos, incentivando que todos tenham suas canecas e garrafas de água.

9. Visitar fábricas de produtos de metais, vidro, papeis, plásticos, remédios para conhecer seus ciclos de produção e pesquisar de onde vem os recursos naturais para produção e como a industria se responsabiliza pela coleta das embalagens pós uso, conforme orientação da PNRS no capítulo da logística reversa.

10. Caso a cidade não é desenvolvido como ações do seu Plano de Gestão Integrada dos Resíduos Sólidos, uma comissão de Consumo Sustentável, conversa com os vereadores, secretário responsável e prefeito, para que seja lançado em prática. 

 


Who will take these actions?

Em sua edição de 2015 foram impressas 5.000 coleções, sendo distribuídas em escolas de diversas regiões do Brasil. Para apoiar projeto de "Consumo Sustentável" nas escolas foram realizadas inúmeras cursos e oficinas para professores e coordenadores pedagógicos de cidades: São Paulo, Natal, Caxias do Sul entre outras. Estas formações foram desenvolvidas por Mônica Pilz Borba - coordenadora da publicação.

Atualmente com um preço de serviços de internet no Brasil, conteúdos e práticas disponíveis em plataforma Moodle de educação a distância auto-instrumental para que mais professores e escolas para participar desta formação. Esta formação é elaborada pela coordenadora da coleção Mônica Pilz Borba, assim como sua manutenção. Em busca de recursos financeiros para o desenvolvimento desta plataforma com associações ligadas a reciclagem. 

Com uma formação EAD desenvolvida, e publicação disponibilizada e oferecida para Secretarias de Ensino Municipais e Estaduais do Brasil gratuitamente.

 

 


Where will these actions be taken?

Inicialmente iremos propor esta parceria com as secretarias municipal e estadual de educação de São Paulo.

Na rede municipal exitem 2.710 escolas, sendo 2.161 de educação infantil e 549 de ensino fundamental, com um total de 925.154 alunos e 153.184 professores.

Na rede estadual tem 15.027 estabelecimentos de ensino fundamental,12.539 unidades pré-escolares e 5.923 escolas de nível médio, sendo a rede de ensino mais extensa do país. Ao total, são 8 981 288 matrículas e 482 519 docentes registrados. 

Ou seja, ao oferecer esta formação auto-instrucional aos professores iremos atingir 9.906.442 alunos e  635.703 professores, perfazendo um total de 10.542.145 participantes.


In addition, specify the country or countries where these actions will be taken.

Brazil


Country 2

Brazil


Country 3

No country selected


Country 4

No country selected


Country 5

No country selected


Impact/Benefits


What impact will these actions have on greenhouse gas emissions and/or adapting to climate change?

No Brasil a média de produção de resíduos de cada cidadão brasileiro é de 1k por dia, e atualmente temos 207 milhões de habitantes. Ou seja, é produzido por dia no Brasil 207 milhões de quilos de lixo, pois a reciclagem não chega a 2% deste total. Do total dos resíduos no Brasil, cerca de 50% é úmido/orgânico, sendo possível de ser compostado. Os resíduos secos, considerados recicláveis compõem 32% do que é gerado. É importante destacar que atualmente todo o resíduo úmido hoje em dia vai para os aterros ou lixões gerando o metano, sendo que 1 de metano equivale a 20 vezes a emissão do CO2.

Com a realização desta formação a todos os professores das redes publicas de ensino do município e do estado de São Paulo, estaremos potencializando projetos de consusmo e descarte sustentável, atingindo diretamente 10.542.145 alunos e professores.

 


What are other key benefits?

Tanto a prefeitura como o estado de São Paulo são signatários dos 17 ODS, e referente as metas de mudanças climáticas, e as ações estão sendo iniciadas. 

Além do incentivo a implantação das coletas seletivas, ao orientar o sistema de compostagem nas escolas, iremos estar incentivando a produção de alimentos saudáveis e por consequência contribuir para redução da obesidade e outras doenças derivadas de má alimentação. 

A cidade de São paulo descarta a maior parte dos seus resíduos em aterros a 100 km de distância, gerando muito CO2 para este transporte, sendo que este projeto visa reduzir a quantidade de resíduos que vai para os aterros, por meio da criação da compostagem e do envio dos resíduos secos para as centrais mecanizadas de reciclagem ou para as cooperativas de catadores.

Na cidade de São paulo foram implantadas duas centrais mecanizadas de coleta seletiva que tem capacidade para receber 250 toneladas dia, mas só recebem cerca de 120 toneladas dia. Este projeto visa ampliar a quantidade de resíduos secos que separados corretamente podem ser recicladas, já que na Região Metropolitana de São Paulo estão concentradas as indústrias da reciclagem.

 


Costs/Challenges


What are the proposal’s projected costs?

O investimento para produzir a plataforma Moodle é de aproximadamente R$ 50.000,00, sendo que há uma manutenção mensal no valor de R$ 10.000,00. Ou seja para o projeto caminhar por 4 anos o valor total é de R$ 530.000,00, seno no 1o ano R$ 170.000,00 e nos demais anos R$ 120.000,00

O maior desafio é articular com as Secretarias de Educação. Porém como não haverá custos para elas, acredito que isto facilitará o andamento da proposta.

Ao longo do processo a ideia é promover conferencias via internet entre os professores e especialistas no tema.

Também poderemos agregar a plataforma os projetos realizadas nas escolas, contando com depoimento dos professores, alunos, comunidade e governantes locais.


Timeline

Hoje a cidade de São Paulo envia 20 mil toneladas de lixo para os aterros todos os dias. Segundo o Plano de Metas do PGRIS - Plano de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos de São Paulo, em 15 anos teremos de reduzir cerca de XX% que vai para o aterro, e em 50 anos será reduzido XX% que vai para os aterros e em 100 anos não deverá mais ter aterros.

Nossa proposta está programada para 4 anos, porém esta cultura educacional de sustentabilidade ganhará escala exponencial, pois as escolas trocam informações e práticas e com o tempo o programa educativo deverá ser reformulado, atendendo as novas demandas dos educadores e educandos.


About the author(s)

Mônica Pilz Borba, reside em São Paulo/SP - Brasil, é brasileira, pedagoga especialista em educação ambiental e atua na área de projetos educativos há 25 anos. Mãe e ambientalista, especialista na área de resíduos sólidos, gestão das águas e agricultura biodinâmica é fundadora do Instituto 5 Elementos - Educação para a Sustentabilidadewww.5elementos.org.br

 


Related Proposals


References